CNA quer ampliar exportação de cachaça e aguardente

Brasil possui cerca de 1,5 mil produtores dos destilados que movimentam R$ 10 bilhões ao ano

Por |
CNA quer ampliar exportação de cachaça e aguardente
01deJunhode2022ás10:21

Integrantes do Núcleo de Execução da Aguardente de Cana e Cachaça, da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) estudam maneiras de alavancar as exportações da bebida, considerada “patrimônio nacional”. 

Na última terça (dia 31), o grupo se reuniu justamente para debater e apresentar oportunidades para as bebidas brasileiras oriundas da cana-de-açúcar no comércio internacional.

Participaram do encontro também representantes de Federações de Agricultura e Pecuária das principais regiões produtoras de cana-de-açúcar.

“A demanda surgiu para tratar de assuntos específicos da aguardente de cana e da cachaça de forma otimizada, nas mais diferentes esferas, como mercado, legislação e fiscalização. A intenção é atuar para contribuir e defender os interesses dos produtores rurais nesse âmbito”, declarou a assessora técnica da CNA, Eduarda Lee.

Programa AgroBR

A reunião também contou com a apresentação para o Núcleo do projeto Agro BR, desenvolvido em parceria pela CNA e a Apex-Brasil. 

O programa tem como principal objetivo promover cadeias produtivas do agronegócio brasileiro e auxiliá-las na expansão do comércio global, através de escritório estratégicos da CNA em outros países.

O coordenador de Promoção Comercial da diretoria de Relações Internacionais da CNA, Rodrigo da Matta, reafirmou o potencial da internacionalização de produtos destilados brasileiros.

Atualmente, a entidade conta com escritórios internacionais em Xangai, na China; em Singapura, no Sudeste Asiático e em Dubai, nos Emirados Árabes.

Produção é de 1 bilhao/ano

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) estima que o Brasil possui 1,5 mil produtores de cachaça registrados e que, anualmente, são produzidos mais de 1 bilhão de litros do destilado, com uma movimentação de R$ 10 bilhões na economia.

Cargando...