Etanol de milho promove aumento das área plantadas com o grão

A produção do combustível verde também colabora com a oferta de um subproduto extraído durante a destilação do milho que pode ser usado na alimentação do gado

Por
Etanol de milho promove aumento das área plantadas com o grão
11deJaneirode2022ás16:17

Para além de alimento-base de tantos povos e culturas, o milho, produto originário do continente americano, é agora também produzido para alimentar outros dois grandes mercados: o de energia limpa e o de gado de corte.

O etanol produzido a partir do milho, no Brasil, está fazendo o agronegócio apostar nessa fonte de geração de energia e, para tal, imensas áreas estão sendo destinadas para essa finalidade. Segundo previsão do IMEA (Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária), as áreas plantadas com milho devem superar 6,2 milhões de hectares nesta safra, sendo 6,5% mais que 2020.

A informação é bastante positiva, uma vez que abre o mercado para mais uma fonte de energia limpa, uma vez que sua matéria-prima é obtida através de plantas cultivadas pelo homem. Em tempos em que combustíveis fósseis e carvão são combatidos por poluírem o planeta, a energia renovável é uma notícia muito bem-vinda.

Ainda que o etanol obtido através da cana-de-açúcar seja mais divulgado e mais utilizado por apresentar maior produtividade, o etanol do milho tem maior aproveitamento em sua cadeia produtiva. É que ele apresenta um subproduto: o DDG (dried distillers grains – grãos secos por destilação, na sigla original em inglês). O DDG extraído durante a destilação é um subproduto valiosíssimo, pois apresenta uma concentração proteica que pode ser uma alternativa economicamente viável para a alimentação animal – de bovinos especificamente –, nas regiões em que o milho apresenta um preço baixo.

Dessa forma, tanto a produção do etanol para combustível como o DDG expandem o mercado de milho no Brasil, enquanto o DDG começa a ser ofertado no mercado nacional e inclusive internacional, com importância relevante para a nutrição do gado de corte.

Cargando...