Frente Parlamentar quer Embrapa entre as prioridades da LDO

Deputados irão encaminhar um pacote de emendas ao relator da Lei de Diretrizes Orçamentárias para garantir recursos à instituição em 2023

Por |
Frente Parlamentar quer Embrapa entre as prioridades da LDO
24deJunhode2022ás14:32

Deputados da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA) estudam elaborar emendas que assegurem recursos financeiros para a Embrapa através da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). 

Em reunião-ordinária realizada na última terça-feira (dia 21), os membros da FPA demonstraram preocupação com a possibilidade de corte no orçamento do Governo Federal em áreas que atingiriam a atuação da Embrapa, como pesquisa e tecnologia.

Por acreditar que tal medida atingirá também o agronegócio nacional, o presidente da bancada, deputado federal Sérgio Souza (MDB-PR) disse que a Embrapa deve ter prioridade na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), e lembrou que o setor produtivo já foi prejudicado em outros momentos com o bloqueio temporário de recursos.

Para Souza,  é “fundamental” que a FPA procure o relator da LDO com a sugestão de emendas relacionadas à Embrapa. “Precisamos encaminhar um pacote de emendas da FPA para o relator da LDO, de que a evolução técnico-científica da Embrapa e do agro dependem de recursos específicos, que fazem toda a diferença”, disse.

O deputado federal Arnaldo Jardim (CD-SP), coordenador de Infraestrutura e Logística da FPA, reforçou que as emendas terão como objetivo assegurar recursos necessários para geração e transferência de tecnologias desenvolvidas pela Embrapa sem as quais, segundo ele, o Brasil não teria tamanho aumento da produtividade agropecuária. 

“Os níveis exigidos hoje pela sociedade são altíssimos em todos os quesitos. Além de fazer frente aos desafios de internacionalização do agro brasileiro, a Constituição Federal determina que a pesquisa tecnológica receberá tratamento prioritário do Estado e que esteja voltada à solução dos problemas brasileiros e ao desenvolvimento do sistema produtivo nacional e regional”, explicou. 

Referência mundial

Criada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), em 1973, com objetivo de auxiliar na segurança alimentar, a Embrapa é hoje reconhecida mundialmente,por sua contribuição no desenvolvimento das práticas do agro, contribuindo para elevar os padrões de desenvolvimento do campo não só no Brasil. 

Cargando...