Conheça o calendário nacional de semeadura de soja para safra 2022/2023

Objetivo é impedir o desenvolvimento da ferrugem asiática, principal doença da cultura

Por |
Conheça o calendário nacional de semeadura de soja para safra 2022/2023
28deJunhode2022ás14:34

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) publicou hoje (dia 28), no Diário Oficial da União, a Portaria nº 607 que estabelece o calendário nacional de semeadura de soja para à safra 2022/2023.

Implementado no Programa Nacional de Controle da Ferrugem Asiática da Soja (PNCFS), o calendário de semeadura (assim como os períodos de vazio) é uma medida fitossanitária que busca racionalizar o número de aplicação de fungicidas e reduzir os riscos de desenvolvimento de resistência do fungo Phakopsora pachyrhizi às moléculas químicas utilizadas no controle desta praga.   

Para a safra 2022/2023, as datas foram definidas a partir das análises semanais de acompanhamento das plantações de 2021/2022 realizadas pelos técnicos da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Esses dados, de acordo com o Mapa, revelam uma redução percentual da área cultivada de soja semeada nas últimas semanas dos calendários anteriores e, consequentemente, o impacto destes cultivos tardios na resistência da praga à fungicidas, ajudando no controle.

Vale lembrar que o Mapa publicou em fevereiro a Portaria nº 516 que estabeleceu os períodos de vazio sanitário para cultura da soja, válidos para os estados produtores em todo o país durante 2022.

Doença da soja

A Ferrugem Asiática é considerada uma das doenças mais severas que incidem na cultura da soja, podendo ocorrer em qualquer estádio fenológico. Nas diversas regiões geográficas onde a praga foi relatada em níveis epidêmicos, os danos variam de 10% a 90% da produção. 

 

Cargando...