Preços do etanol e do açúcar têm movimentos opostos na última semana

Enquanto combustível registrou forte alta, adoçante recuou levemente

Por |
Preços do etanol e do açúcar têm movimentos opostos na última semana
19deAbrilde2022ás17:26

As cotações do etanol e do açúcar trilharam direções opostas na última semana, segundo os indicadores do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) para os dois derivados da cana-de-açúcar.

Os preços dos etanóis hidratado e anidro registraram forte alta no mercado paulista na semana passada, enquanto do adoçante uma leve queda.

Etanol

Entre 11 e 14 de abril, o Indicador CEPEA/ESALQ semanal do hidratado fechou a R$ 3,8366/litro, elevação de 8,07% frente ao período anterior.

No caso do anidro, a alta foi de 2,68%, com o Indicador CEPEA/ESALQ fechando em R$ 4,0838/litro. De acordo com pesquisadores do Cepea, a oferta dos etanóis esteve baixa na semana passada.

Além do número ainda pequeno de usinas em atividade da safra 2022/23, as chuvas também limitaram a entrada no campo para retirada da cana-de-açúcar e, consequentemente, o andamento da produção.

Açúcar

A média de preços do açúcar cristal registrou pequena baixa na semana passada no mercado spot paulista, conforme apontam dados do Cepea.

De 11 a 14 de abril, a média do Indicador CEPEA/ESALQ, cor Icumsa de 130 a 180, foi de R$ 142,17/saca de 50 kg, queda de 0,37% em relação à da semana anterior (de R$ 142,70/sc).

O ritmo das negociações no mercado spot paulista do açúcar cristal esteve lento ao longo da última semana. Até a quarta-feira, 13, a demanda esteve um pouco mais aquecida, com algumas indústrias e empacotadores realizando novas compras para pronta-entrega. No entanto, como as usinas mantêm estoques limitados, a liquidez no mercado foi baixa.

Cargando...