Preço do trigo sobe atrelado à alta do dólar

Movimento ocorreu apesar da previsão de safra recorde do cereal no País

Por |
Preço do trigo sobe atrelado à alta do dólar
04deMaiode2022ás09:05

Um dos principais insumos para a cesta básica dos brasileiros, o trigo teve alta nas cotações durante a semana passada no mercado interno devido à valorização do dólar.

A análise é do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), que acrescentou ainda que a apreciação da moeda estrangeira também favorece a paridade do cereal nacional frente ao importado.

O levantamento mostra que, no Rio Grande do Sul, os valores pagos ao produtor e no mercado de lotes (negociações entre empresas) de trigo avançaram 4,09% e 5,1%, respectivamente, entre 22 e 29 de abril.

Autossuficiente em trigo

A produção brasileira de trigo deve crescer em 2022. Informações da Embrapa indicam que a área nacional com trigo pode aumentar 13% neste ano, passando de 2,7 milhões de hectares para 3,1 milhões de hectares.

Por isso, a produção pode atingir 8,5 milhões de toneladas, o que seria um recorde. Além disso, variedades adaptadas ao clima do Centro-oeste sugerem que, em médio prazo, o Brasil poderia não só se tornar autossuficiente no cereal como também grande exportador.

A previsão é que o país poderia produzir 23 milhões de toneladas em alguns anos e, a exemplo do que ocorreu com a soja nas últimas décadas, firmar-se como formador de preço.

Cargando...