Preço do arroz acumula alta de 19,1% no ano

Grão recuperou baixas de abril e maio, mas segue longe do recorde histórico

Por |
Produção de arroz brasileira concentra-se no Rio Grande do Sul (foto - jlastras)

Produção de arroz brasileira concentra-se no Rio Grande do Sul (foto - jlastras)

06deJulhode2022ás16:27

Os preços do arroz em casca reagiram em junho, segundo informações do Cepea, impulsionados pelas maiores demandas interna e externa. O preço da saca de 50 quilos do grão já acumula valorização de 19,1% no ano.

As cotações do arroz, inclusive, recuperaram parte das perdas registradas nos dois meses anteriores e voltaram aos patamares nominais observados na primeira dezena de abril.

O Indicador CEPEA/IRGA-RS (58% de grãos inteiros e pagamento à vista) avançou 3,76% no acumulado de junho. A média mensal foi de R$ 72,66/sc de 50 kg, 2,54% superior à de maio/22.

Ainda assim, os preços do arroz estão longe do recorde histórico registrado em setembro de 2020 quando a saca de 50 quilos chegou a valer mais de US$ 20 no posto indústria Rio Grande do Sul, que é a referência do Cepea.

Cargando...