Brasileiro opta por ave e suíno pelo preço da carne bovina

Carcaça de boi custa mais que o dobro de seus concorrentes

Por |
Carcaça bovina foi negociada no atacado da Grande São Paulo a R$ 20,90/kg neste mês

Carcaça bovina foi negociada no atacado da Grande São Paulo a R$ 20,90/kg neste mês

21deJulhode2022ás10:36

A demanda doméstica por carne bovina segue enfraquecida. Segundo pesquisadores do Cepea, diante da inflação elevada, grande parte da população brasileira apresenta restrição orçamentária.

Assim, muitos consumidores passam a procurar proteínas com valores mais competitivos, como as carnes suína e de frango e ovos, em detrimento do produto bovino.

Dados do Cepea mostram que, quando comparadas as médias de junho e de julho (até o dia 19), observa-se valorização de 1,73% para a carcaça casada bovina negociada no atacado da Grande São Paulo, a R$ 20,90/kg neste mês.

E a maior demanda pelas concorrentes é evidenciada pelo movimento de alta um pouco mais intenso que é registrado para as carnes suína e de frango – também comercializadas no atacado da Grande São Paulo –, que apresentam valorizações de 5,04% e de 5,57%, respectivamente.

Em julho, a carcaça especial suína é negociada à média de R$ 9,85/kg, e o frango resfriado, de R$ 8,15/kg.

 

Temas en esta nota

Cargando...